27 agosto 2012

Sopro de vida

1 recados
Foi ontem, era hoje, nunca amanhã;
Quando o tempo escorre,
o sol vai embora
e o sorriso morre

Para o tempo, por esse tempo,
por aquele tempo
em que nós éramos nós
e hoje não somos mais que pós

O que peço, o que espero
é o tempo pelo tempo,
é sorrir pelo prazer de viver
e poder nunca te fazer me esquecer

Margem abadonada

0recados

O relógio marca onze horas de noite, mas parece que a escuridão é mais infinita que isso. Os livros estão espalhados pela mesa de vidro da sala, mas a minha mente não para nas palavras. De alguma forma, no aconchego do meu lar, eu sinto medo. A noite virou hora de pensar sobre a vida que se desenrola em frente aos meus olhos, inacreditável e desesperada, e não parece mostrar um suspiro de felicidade. Quem procurar? A família? Retrato sem cor. Os amigos? Conceito perdido. Um mundo isolado e fechado e repleto de abstrações por todos os lados, estejam do meu lado ou a mil metros de distância. O calor da urgência está sufocando minha garganta, gritando para poder dizer, sem dor, tudo aquilo que vem sendo bem guardado e encolhido por meses. Sinto falta de sentir falta. Sinto falta do abraço sem causa. E sinto falta da recepção calorosa daquele ombro amigo frágil e desconcertado, tentando consertar meu mundo. Minha esperança só pede descanso. Apesar disso, a minha força tenta mantê-la aqui por inteira. Mas minha mente só consegue raciocinar "adeus". A vida não mostra mais respostas; apenas apresenta caminhos confusos e estreitos e por eles eu preciso passar. Infelizmente, não sei por onde ir e não tem ninguém para me ajudar.

20 julho 2012

Reticências

0recados
À todos os meus amigos, mas, em especial, a quatro pessoas que entraram na minha vida da mesma forma, e dessa mesma forma alteraram completamente o meu sentido de amizade.

 

Não é fácil. Não é nem um pouco fácil conviver com personalidades bem diferentes de você em muitas coisas, seja física ou psicologicamente. As diferenças, às vezes, são tantas que são constantes os desentendimentos, as brigas, os desencontros, as cobranças; e muitas dessas constâncias são apenas besteiras, medo, raiva, ou um momento. A verdade é que não existe um desentendimento que não possa ser resolvido, uma briga que não possa ser desculpada, um desencontro que não possa ser esclarecido, ou uma cobrança que não possa ser paga, porque as mesmas são superadas pelas pequenas coincidências. Como pessoas e mentes tão diferentes podem se dar tão bem assim, é um mistério. A isso chama-se amizade; será um sentimento? É como o vento, mas nunca é um clichê; são sempre diferentes, mas com um mesmo propósito escondido por trás. É coração e amor juntos, embolados, de forma a supervisionar um outro coração. É aquilo que nos suporta pelos pés, para subir aos céus e alcançar o melhor que a gente puder dar de si para o outro. É aquilo que não importa-se com o rosto, está ligado apenas ao calor do coração. É aquilo que já é o maior presente que alguém poderia ganhar na vida. Companhia e parceria são sinônimos que andam de mãos dadas com a amizade, tal que julga e ajuda, e interfere no anonimato daquelas vidas amigas para com o resto do mundo, apenas para evitar deixar cair. A amizade equilibra o peso da vida dos ombros do outro junto ao nosso, para dividir o mártir e poder segurar suas mãos. De que vale a vida sem os melhores momentos da amizade? As diversões, os sorrisos, o companheirismo e, antes de tudo, a própria amizade não são nada se não houver uma outra vida com quem possamos compartilhá-los. Não importa o tempo sem se falar, não importa o tempo que ela já dura ou durou, ou o pouco tempo, o que importa é que ela importa em qualquer situação.

Feliz Dia do Amigo!

20 maio 2012

1 recados
tumblr_lm5owvtIM31qcebqo_large_large 
Amar (=) você.

Sem título

0recados
untitled-lajcp0m1i-187423-500-667_large

              Lápis, papel e mil ideias na cabeça. Essa história é a mais difícil de ser contada. Os personagens são imprecisos; as falas, incertas. As expressões, os sentimentos e as loucuras são difíceis de entender. Apenas sei que existe uma história, mas questiono-me o que pode haver para contar. O que se passa por de trás desse rosto? O que tem por dentro dessa alma? Qual a história por trás de cada sorriso ou de cada tristeza? Os rostos são inúmeros; os sentimentos, infinitos. Por enquanto, ainda é apenas um papel cheio de "talvez". Talvez seja alguém, talvez seja ninguém. É aquela pessoa que nos acompanha na rua todos os dias, aquela que esbarra em nosso ombro, pela pressa, pela distração. Aquela que existe multiplicada por infinito, em todos os lugares do mundo. Aquela que faz parte da multidão das ruas lotadas. Aquela que passa perdida e despercebida no calor das cidades e que te olha do espelho todos os dias A mais intrigante de todas as pessoas: a (ainda?) desconhecida. Qual a minha história?

01 maio 2012

"Adeus, romantismo!"

1 recados
"Esse é para aqueles que se acham românticos, os responsáveis por degenerar uma geração inteira de sentimentos e contradições acumulados dentro dos corações esperançosos. O mundo sucumbiu a mentalidade equivocada e clichê, e o romantismo que verdadeiramente reinou nos corações apaixonados dos grandes poetas, do sentimental Goethe ao pessimista mórbido Byron, retratos fiéis do amor, não existe mais; perdeu-se aquela natureza que aflora do peito. Tudo foi substituído por essa mentalidade hóstil, rude e melodramática, regadas por carinhos excessivos e aquela disposição infinita para testar a capacidade das pessoas de devolver ao mundo o ingeriram. Sim, é nojento. O romantismo puro é mais o sentir que o demonstrar, é aquilo que há para o coração ser feliz. É tão verdadeiro e tão puro quanto o ódio. E para que serve esse turbilhão de mentiras enjoativas? O essencial é que se ame, sem que nenhuma palavra seja dita, porque não existe uma no mundo que defina um sentimento milenar."

"Quando conquistou tudo o que todos querem cortejar, a pobre recompensa não vale os custos: juventude desperdiçada, alma aviltada, honra perdida, são os teus frutos, ó paixão triunfante!"
(George Lord Byron)

28 abril 2012

Explosão

0recados
tumblr_lz38f3GxOz1r938w7o1_400_largeCalor guardado dentro do peito,
Música, suspiro e emoção,
Sentir sem usar as próprias mãos,
Ainda é bom ouvir o coração

Nos olhos daquele,
uma batida, explosão
Cada suspiro, cada sussurro
são cálidos fogos de artifício

E quem sou eu para dizer?
Quem sou eu para amar?
Sou filha do amor,
subordinada ao coração
0recados

Mas ainda existem muitos 'mas' por aí.
(Renata F.)

Ressaca

0recados
6743251861_d3a6d978fa_o_large 
É imperfeito, imaturo, inigualável, inalcançável. É inconstante, interessante, surpreendente. É incontrolável, impuro; é ameaça e sobrevivência. Imprevisível, exaustivo, incansável, inseguro. É uma queda no abismo, é o fundo do poço, é o baú de ouro do final do arco-íris. É um simples artefato de emoção, que rega e regra todo e qualquer pensamento que possa existir. Por ela, escoa todos os sentidos, impregnando cada nervo, apertando os instintos e abalando o coração. Ela é a ressaca, repleta de incertezas e inseguranças, que atinge forte a cabeça no dia seguinte. É para chorar, para morrer, para viver. E não é páreo para a escolha. Acontece. Cada visão, cada odor, cada suspiro desperta algo tão válido quanto inadmissível, pontos distantes um do outro que se unem como um só. Cada fato é sempre um fato. É intrínseco, é pecaminoso, é limpo, é vivo e cálido. É bagunça, desespero, amor, tristeza, felicidade, desprezo, carinho, suporte, perigo. É verdade e mentira, é incerto, é preciso. É mundo, é mente.

21 abril 2012

Vontade

1 recados
LuckyOptimist-RAIN-SUN-LIFE-LOVE-HOPE-43_large
''Entretanto, nem por isso sou menos capaz de definir essa sensação, de analisá-la, ou mesmo de ter dela uma percepção integral. Reconheci-a, repito-o, algumas vezes no aspecto duma vinha rapidamente crescida, na contemplação de uma falena, duma borboleta, duma crisálida, duma corrente de água precipitosa. Senti-a no oceano, na queda dum meteoro. Senti-a nos olhares de pessoas extraordinariamente velhas. E há uma ou duas estrelas no céu (uma especialmente, uma estrela de sexta grandeza dupla e mutável, que se encontra perto da grande estrela da Lira) que, vistas pelo telescópio, me deram aquela sensação. Sentindo-me invadido por ela ao ouvir certos sons de instrumentos de corda e, não poucas vezes, ao ler certos trechos de livros. Entre numerosos outros exemplos, lembro-me de alguma coisa num de Joseph GlanvilI que (talvez simplesmente por causa de sua singularidade, quem sabe lá?) jamais deixou de inspirar-me a mesma sensação: ‘E ali dentro está a vontade que não morre. Quem conhece os mistérios da vontade, bem como seu vigor? Porque Deus é apenas uma grande vontade, penetrando todas as coisas pela qualidade de sua aplicação. O homem não se submete aos anjos nem se rende inteiramente à morte, a não ser pela fraqueza de débil vontade.’"

(Edgar Allan Poe)
0recados

tumblr_lcup5eKdzK1qd0mm4o1_500_large
“Eu acredito que ‘sim’ é a única coisa viva.”
(E. E. Cummings)

14 abril 2012

Floresta negra

1 recados
“Não existe sentimento mais complicado que esse. Complicado de sentir, complicado de entender. São como os dias em que o sol não nasce. São dias cinzas, sentimentais e sem valor. Há pedras no caminho, abismos, poços sem fim e a escuridão cega os olhos. Longos esforços nada valem, nada rende, tudo se esgota rapidamente. Dentro pesa tudo; pesa cada gota da chuva, pesa cada sorriso. Pesa também os olhos lacrimosos e negros que olham do espelho. Lá fora, ramos sem vida, flores sem brilho. Um sentimento essencialmente dominante, que não perdoa nem mesmo o mais leve suspiro de vida. O amor dói; a alma, antes tão límpida, tão branca, corrói; o sorriso é tão falso quanto querem que o seja, apenas para mostrar que está tudo bem, quando não está. Não existem vontades; todas elas sumiram, e levaram junto tudo que puderam. A empolgação sumiu, não existe mais o frio na barriga que costumava existir ao esperar por algo que traria uma alegria. Tem horas que até o vento vai embora; desvia-se desse muro frio e repugnante e permanece longe por tempos. Então, é constante o medo de ser feliz. Toda vez que aparece, é inevitável. Algo sempre tem que acontecer para mexer com ela. E quando não acontece, a consciência se encarrega disso. A palavra certa é dependência. Felicidade não muda ninguém; ela apenas ilude. É sempre um banco vazio na praça.”

Prisonic_fairytale_by_WiciaQ_large

07 abril 2012

Efeito dominó

0recados
296276ca37a37103479d2842b21d5cdf_large 
                Apertado e cada vez mais rarefeito. À medida que as peças caem, tudo vai caindo junto. Está cada vez mais comprimido, e estarei mentindo ao afirmar que, um dia, não vai desaparecer. Vai desaparecer, e vai tudo de uma vez.

17 março 2012

Suspiros de uma noite de verão

0recados
Me diz o que me faz sorrir feliz,
o que me faz amar tanto assim,
o que me faz acender essa chama;
me diz essa paixão dentro de mim.

Do lado de dentro da alma,
um aperto, uma vírgula de insanidade,
de corroer o espírito
que se chama saudade;

E entre todos os suspiros,
entre todas as alvoradas,
um abraço demorado,
um beijo apaixonado,
e você
0recados
- Apenas quero um pedaço desse amor.
- Para despedaçá-lo?
- Para saber que um dia já pude tê-lo.

Pretérito perfeito

0recados
De tempos longos,
tempos curtos,
Tempos modernos
de vitória derrotada

Aqueles tempos novatos,
os que se fazem presentes,
os que nos move,
os que nos afeta

Parte do lado de dentro
a angústia egoísta,
que do passado nos viu
e mandou um sorriso

Da alvorada renovada,
surge o amarelo do sol
nas fotografias antigas
das nossas vidas em pretérito perfeito

16 janeiro 2012

Amigo

1 recados

                        Aquela hora que você descobre ser lembrada por algumas coisas, porque aquilo lembra todos da sua felicidade; aquele momento que você percebe que gostam do seu sorriso, porque ele dificilmente aparece e essa é sua marca registrada; aquele dia que você percebe que não é o centro das atenções, mas se sente bem tanto quanto qualquer outro dia. Alguém diz que você deixou a vida escapar ao público, mas a verdade é que muito tempo se passou desde a última vez que você se pegou num lugar em que era novo. Hoje todo mundo o conhece, todos lembram de você. Julgam, desaprovam, criticam também, mas hoje, principalmente, você é amigo.
0recados
 

"Os dias... alguns vão embora, alguns passam pela porta para um adeus, alguns permanecem na memória para jamais serem esquecidos e para sempre lembrados."

11 janeiro 2012

Graças da vida II

0recados

Tudo poderia ser diferente, como o cair da noite ou uma longa nuvem sem escrúpulos. Tudo poderia ser simples, como o canto de um pássaro ou o pôr do sol. Tudo poderia ser fácil, mas aí não seria uma vida, seria um filme um filme de comédia.

06 janeiro 2012

(In)admirável mundo novo

3recados
"O vestido branco fez falta no meu ano novo. Dizem que traz sorte, mas ela esqueceu de acontecer. O ano começou e foi novo, muito novo. Aquele tipo de novo que incomoda, aquele tipo de novo que o cheiro não agrada. Aquele novo que a gente esquece de sorrir. Sinto falta, apenas. Falta dos ventos do passado, falta das alegrias e histórias antigas, mas sinto ainda mais falta das pessoas, aquelas que mudaram junto com o ano, aquelas que foram e se esqueceram de voltar. Quero de volta aquelas pessoas que o novo esqueceu de acontecer, quero de volta o que o passado levou embora".

"Melodias embalam músicas novas, histórias novas mexem com o passado, mas o sol nunca nasce diferente no primeiro dia do ano novo."
(Renata Fonseca)
0recados

Todo dia é um novo dia para o mundo. E para você.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

(Re)inventando © 2010

Blogger Templates by Splashy Templates